quarta-feira, dezembro 20, 2006

CIA admite a mentira



Num dos mais conceituado programas de jornalismo investigativo americano, o "60 Minutes", o ex-chefe da CIA na Europa, Tyler Drumheller afirma que no outono de 2002 (de 21 de setembro a 21 de dezembro nos EUA) o Presidente Bush, o vice Cheney, Condoleeza Rice e outros foram informados pelo diretorda CIA na época, George Tenet que o ministro das relações exteriores do Iraque no governo Sadam Husseim havia sido contratado como espião pela CIA e confirmava não possuía armas de destruição em massa. (leia aqui em inglês)

Ontem assisti o documentário 11 de Setembro de Michael Moore de novo, e após tanto tempo é impressionante como uma mentira tão ridícula possa ter perdurado tanto tempo e custado tantas vidas. A Al-Qaeda teria atacado os EUA que invadiram o Paquistão e Iraque, muito conveniente.





Technorati Tags: , , ,



powered by performancing firefox

Um comentário:

César disse...

CIA admite a mentira, EUA envernizam a cara-de-pau.