segunda-feira, dezembro 29, 2008

Carnificana palestina



É o horror!

Nas guerras em território palestino só quem morre é árabe. A carnificina já soma 327 e fere 1.400, uma universidade destruída pela metade. Some este desastre patrocinado pelo governo  de Israel ao ataque ainda este ano ao Líbano destruindo estradas, pontes e centrais elétricas do país e se tem uma idéia de onde vêm os problemas de lá.
Bush é aprendiz. Israel ataca, mata e diz que a "ofensiva" vai continuar! Nunca parou, antes de mais nada. Desde de que foi criado Israel, nunca mais parou de morrer palestino, libanês, egípcio, jordniano, etc, etc. O incrível é a conversa furada de proteção ao estado judeu. Israel tem uma das maiores e mais preparadas forças armadas do mundo, armada até os dentes pelos americanos, franceses e até russos. É uma guerra de míssil balístico contra estilingue.
O problema palestino para os americanos e judeus se assemelha à solução final de Hitler. Só se resolve eliminando o problema, que no caso são os verdadeiros donos daquelas terras. Os assentamentos ilegais judeus continuam, são centenas. Enquanto isto os despejos de palestinos não se limita a passar com màquinas sobre suas casas, agora arrancam também as oliveiras plantadas pelas famílias muitas vezes centenas de anos atrás. Arrancam o sustento das pessoas, querem que morram de fome.
É um absurdo! O povo judeu não pode concordar com isto, a comunidade internacional tem de se levantar e sair da inação contra Israel, a guerra tem de acabar. Os ataques acontecem agora exatamente por ser o período entre Natal e Ano Novo com metade do planeta festejando ou tirando férias e com a virada do ano a posse americana e em vários outros países. Os sionistas escolhem bem as datas de seus ataques, as que melhor outros fatos abafam quando convêm.

, ,

Powered by ScribeFire.

quinta-feira, dezembro 25, 2008

Nova Iorque


O apelo ao consumo é forte, mas a moeda é fraca!

Esta cidade é impressionante. Confesso que fiquei apenas na ilha de Manhattan, mas seis dias circulando já me deram uma boa idéia disto aqui. Ao contrário do Anônimo que me provocou nos comentários dizendo que vim fazer compras, bem diferente disto.
Comprar aqui é proibitivo. Tudo é caro, mais caro que comprado aí. Vir aqui fazer compras é bobagem. Na verdade, Nova Iorque é cultura por todos os lados, é uma diversidade impressionante de gente de todos os lados do planeta. O que se pensar, aqui tem.
Fui a um show off-Brodway chamado Blue Man (assista no youtube!) que foi uma das coisas mais sensacionais que já assisti em forma de teatro performático. Claro que somos bem servidos em Porto Alegre com o grupo "Ói Nós Aqui", onde assisti Atígona. Não fui a mais espetáculos por razões financeiras. A quantidade de espetáculos é incrível e não fica só nisto. Os museus são maravilhosos,quadros e esculturas dos mais renomados artistas mundias de todos os tempos. O Museu Americano de História Natural, o Metropolitano, o Guggleheim, Museu de Arte Moderna, são os destaques.
Não vim fazer compras, vim encontrar amigos, Dali, Rodin, Van Gogh, Degas, Picasso, Manet, Monet, Miró, Chagall, Kandinsky e vários outros. O encontro foi ótimo e nos divertimos muito.

, ,

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, dezembro 22, 2008

Devagar, pelo frio

Desculpem a demora em postar, mas estou em viagem. Este ano resolvi vir a nova Iorque com a patroa e estamos debaixo de neve por aqui. Se der posto algo aqui sobre o que estou vivenciando.

Powered by ScribeFire.

sábado, dezembro 13, 2008

Canalhas falaciosos


Paga e não reclama, senão eu chamo o Mendes!


A última da Tia Yeda das Pantalhas é assutadoramente ridícula. Completamente alucinados com a negativa do Ministério dos Transportes para a prorrogação dos pedágios incluindo rodovias federais, a base aliada e a governadora estão vociferando que houve quebra do pacto federativo.
Ora, quem diria?! O pacto federativo nada mais é do que uma palavra bonita que significa que estados federados e união federal devem ficar cada um no seu quadrado, como diria aquela música da moça de bunda grande. Ou seja, nem estados interviriam em assuntos federais e nem o contrário. Seria isto em rápidas palavras, está na constituição brasileira as definições das competências de cada esfera.
Bem, as estrada FEDERAIS são patrimônio da união. São responsabilidade do governo FEDERAL. Certo? O idiota do FHC teve uma grande idéia durante seu reinado, chamou o vendilhão do templo Antônio Britto e acertou a concessão de estradas federais para que o estado fizesse os pólos de pedágios aqui no estado. Os pólos são armadilhas que fazem com quem mora em sua jurisdição um prisioneiro que só consiga se locomover pagando por isto, quase como na idade média.
Bem, a concessão é legal mesmo não sendo moral. Mas conceder é bem diferente de doar, FHC era(?) um escroque todos sabemos, mas nem tanto. Ele não deu as rodovias federais concedidas ao estado ele cedeu. Por tempo limitado, até 2013.
Tia Yeda das Pantalhas resolveu que 2013 era muito pouco para concessionárias tão boas e prestativas nas horas de amargura (como períodos eleitorais, por exemplo), que o justo seria mais 15 anos logo de uma vez e em urgência. Mas de tão urgente e tão importante para ela que acabou esquecendo de consultar... o dono das estradas!! A união. Ela simplesmente colocou patrimônio da união na prorrogação sem consultar o governo federal!!! E ante a negativa do Ministro responsável, acusaram o governo Lula de quebrar o pacto federativo, que loucura! É o contrário, foi ela que o fez!
Claro que nada disto está nas linhas da imprensa gaúcha, óbvio. É impressionante o jornalismo bovino que se faz aqui, movido a releases palacianos. A cara-de-pau não tem limites.

, , , ,

Powered by ScribeFire.

quinta-feira, dezembro 11, 2008

Cai o Carrasco da Matriz


Fim do prendo e arrebento?

O Coronel Mendes, mais conhecido como o Carrasco da Matriz, será exonerado de sua função pela (des)governadora Tia Yeda. Mendes se notabilizou nos parcos meses de estrelato pela truculência e  incapacidade de diálogo. Mandava bater de forma indiscriminada, de professores a aposentados, e estabeleceu a praça da Matriz como palco de guerra e seu patrimônio pessoal. Mendes batia e a sádica se deliciava.
A demissão do marechal de guerra ainda não foi justificada pelo (des)governo, nem precisaria. Mas engana-se quem pensa que possa ter ocorrido pelos motivos imagináveis à primeira vista, a truculência e autoritarismo seriam motivo de promoção para Mendes na cartilha das pantalhas. Existe muito recheio neste pastel. Yeda quer uma vitória e para isto rifou o coronelzinho.
Na Assembléia o (des)governo de Yeda já começou derrotado com o projeto de aumento dos impostos e passou por uma CPI que desmascarou seu governo. Sentindo que se aproxima da metade do seu mandato, a Tia quer encher as burras e se viabilizar econômica e políticamente com o projeto de prorrogação dos pedágios que vai a votação no próximo dia 16 de dezembro. Vai rolar muito interesse objetivo e subjetivo nesta nova maracutaia envolvendo as concessionárias, afinal alguém tem de substituir o sonho das papeleiras que iriam revolucionar o estado e que acabaram falindo e cancelando os investimentos.
A prorrogação dos pedágios é muito mais importante que o comandante Mendes. Aposto que esta saída foi o preço do voto de algum deputado "indeciso" que pediu a cabeça do brigadiano. Afinal a votação da prorrogação é terça e o soldadinho foi demitido hoje. Qual seria a outra hipótese. Lembro do ditado italiano que diz "si no é vero, é bene trovato!"

, , ,

Powered by ScribeFire.

terça-feira, dezembro 09, 2008

Provocação

Os Amigos do Presidente Lula
Para a oposição com carinho


Resultado da pesquisa DataFolha com índices de avaliação da população só de ótimo e bom, divulgada na sexta-feira, dia 05 de dezembro de 2008, em relação aos presidentes da República após a redemocratização do Brasil.

Fernando Collor de Mello (1990-1992): 36%

Itamar Franco (1992-1994): 41%

Fernando Henrique Cardoso (1995-1998): 47%

Fernando Henrique; Cardoso (1999-2002): 31%

Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2006): 53%

Luiz Inácio Lula da Silva (2007-2010): 70%(Por enquanto)

, , ,

Powered by ScribeFire.

Teremos saudades

Folha Online - Dinheiro - PIB cresce 6,8% no terceiro trimestre; no ano, expansão é de 6,4% - 09/12/2008
A economia brasileira teve expansão de 6,8% no terceiro trimestre de 2008, na comparação com igual período no ano passado. No acumulado do ano, o incremento do PIB (Produto Interno Bruto) chega a 6,4% em relação ao período de janeiro a setembro de 2007, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta terça-feira.
Teremos saudades deste tipo de manchete em 2009. Um crescimento destes seria o sonho dourado, mas com a atual situação nos países centrais, se 2009 ficar em 2,5% já será um feito.

, ,

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, dezembro 08, 2008

À conta-gotas

Justiça condena Opportunity a indenizar juíza por perseguição - Estadao.com.br
SÃO PAULO - O Tribunal de Justiça do Rio condenou o Opportunity, do banqueiro Daniel Dantas, a pagar indenização de R$ 100 mil à juíza Marcia Cunha, da 2ª. Vara Empresarial do Rio, por danos morais. Em sua decisão, o juiz Alessandro Oliveira Felix sublinha que o Opportunity perseguiu a magistrada e sua família de "forma vil e ardilosa" assim que ela julgou procedente ação que resultou na saída do grupo do controle da Brasil Telecom.
Aos poucos o sr. Daniel Dantas começa a aparecer na mídia sua verdadeira face, agora respondam rápido:

Quem vocês acham que grampeou o Presidente do STF, Gilmar Mendes?

     a) a minha mãe;
     b) a tua mãe;
     c) a vó do Badanha;
     d) o Daniel Dantas;
     e) a dona Marisa.

O Brasil na crise mundial


Crise imobiliária americana longe do fim

No final de semana juntei familiares para comemorar o aniversário da minha mãe. Dona Leocádia está fazendo 71 anos dia 9 e nada como uma janta no sábado na casa do filho. Bem, para não dar muito trabalho e satisfazer a todos, encomendei uma Paella com o Dom Manoel. Este famoso paellero é um amigo da casa e gosta de conversa.
Papo vai e papo vem, Manoel conta que suas vendas para o final de ano, festas de empresas, entidades e afins, estão cerca de 50% menores se comparadas com igual período do ano passado. Simplesmente as encomendas não estão ocorrendo. O mesmo fenômeno se percebe nos locais de happy hour no centro de Porto Alegre. Em outros anos nesta época agendar um espaço para comemorar o final do ano era uma tarefa exaustiva, não haviam locais disponíveis. Hoje está uma barbada.
A incerteza internacional afeta os mercados mais subjetivamente do que objetivamente. O medo faz com que todos se resguardem acumulado uma certa reserva em poupança ou algo assim. Fora alguns setores que realmente estão acusando o golpe, como as montadoras e sua cadeia produtiva, não há fatores econômicos neste momento que justifiquem o medo. A crise está situada nos países desenvolvidos e em seu sistema financeiro, com reflexos secundários no Brasil em grande parte pela política desenvolvida no governo Lula, em grande medida o PAC, as reservas internacionais e a diversificação das exportações.
O PAC está alavancando a economia injetando recursos em infraestrutura, somado ao incremento no financiamento da construção civil, são bilhões de dólares movimentando o sistema de forma a atravessar a tempestade. As reservas estão batendo recorde em novembro, 205,7 bilhões de dólares e os depósitos compulsórios estão diminuindo (272, 219 194 bilhões de reais em setembro, outubro e novembro) aumentando a disponibilidade de recursos nos bancos e o crédito.
Outra grande iniciativa de médio prazo adotada que agora está trazendo benefícios a nossa economia é a diversificação das exportações. Para se ter uma idéia, em 2002 62% do que o Brasil exportava ia para países desenvolvidos (EUA, Europa, etc). Hoje este índice caiu para 50% e com tendência de cair ainda mais. Ou seja, quanto menor o grau de dependência nas exportações aos países desenvolvidos, melhor no cenário de crise na economias centrais. Ponto pro Brasil.
A crise ainda será sentida em maior grau no Brasil. Todos os indicadores deste mês começarão a perder a tendência de melhora que apresentaram até outubro e novembro. Desemprego, renda, PIB, inflação e câmbio serão os primeiros a apontar esta nova tendência. Mas tudo indica que o Brasil sairá bem deste momento negativo e numa posição mais previlegiada do que antes dela ter a contecido. Não ter medo do nosso futuro e acreditar que o Brasil se encontrou, esta é a receita para sairmos desta.

, , , ,

Powered by ScribeFire.

sexta-feira, dezembro 05, 2008

Transporte metropolitano, estamos perdidos


É dose



Quem mora na periferia da capital, mais precisamente na sua região metropolitana, utiliza de uma forma ou de outra de transporte coletivo intermunicipal. É uma leva de milhões que busca a capital para comprar ou à trabalho e dela para os mais de 30 municípios ao seu redor.
O valor das passagens é exorbitante e o serviço um lixo. Os horários são trocados arbitrariamente sem conhecimento prévio, existem ônibus antigos em operação e a lotação é grande somado ao longo trajeto. Enfim, um inferno.
As empresas de ônibus fazem transporte particular para empresas e excursões utilizando seus modelos mais novos e cheirosos. Nos horários menos atrativos ocorre a substituição dos ônibus por micros cujos projetos foram desenvolvidos para pigmeus. Estas liberalidade não são abatidas dos custos das empresas, portanto entram no valor das tarifas. As paradas de ônibus nos terminais em Porto Alegre ou nas cidades de origem são horríveis, quando existentes. Muitas cidades tem ofertas de transporte clandestino, com preços acessíveis e qualidade precária.
Vários organismos de estado são responsáveis por esta situação. O DAER se limita a estabelecer as tarifas utilizando os dados que as empresas fornecem e utilizando valores de mercado, nunca de oferta (promoções por quantidade), para a alegria dos poucos empresários do ramo. A METROPLAN, mais conhecida como pastel vazio, seria o poder concedente, porém não possui pessoal e nem estrutura para operar o sistema. Finalmente a AGERGS, que seria a agência de regulação. Vou me deter um pouco mais nela.
A AGERGS foi criada pelo governo Britto e serve de encosto para políticos fracassados e técnicos dóceis terem um emprego com bom salário e muito pouco para fazer. Na verdade têm muita à fazer, mas não faz. Lá você não encontrará os números do sistema, a agência não faz a menor idéia de quantas linhas existem, onde, quantos passageiros e se possuem contrato de concessão. Todas as concessões são irregulares ou precárias, isto é, ao arrepio da lei.
Apesar da constituição de 88 valer para todos, não está sendo aplicada para o transporte metropolitano de Porto Alegre. As concessões nunca foram licitadas! Sequer existe um contrato com as obrigações estabelecidas, metas, indicadores de qualidade ou o que quer que seja. A coisa é à bangu. O monopólio se estabeleceu e cada empresa explora a sua cidade ou região.
A coisa fica assim, pois o sistema tem muito recurso e o utiliza para adoçar políticos e governantes que trocam o bem estar dos seus concidadãos por benefícios escusos. Há um locupletamento entre autoridades concedentes e empresas concedidas, mesmo que proibido pela legislação tanto leitoral como cívil ou criminal.
O ministério público estadual exigiu a licitação das concessões e adiou duas vezes por 10 anos esta exigência! O último prazo vence em 2010, logo ali. Não preciso nem dizer que nada foi feito para preparar este processo de licitação e nova prorrogação está sendo gestada. A ninguém interessa a sua realização , apenas ao usuário que só está presente nesta festa para pagar a conta.
As empresas fazem o que querem, quando querem e na quantidade que elas mesmas estabelecem, o DAER remunera e a AGERS brinca de primeiro mundo civilizado, enquanto que nós (os usuários) sustentamos o sistema e sofremos as consqüências de nossa própria omissão até o dia em que morrermos de pé na parada esperando o ônibus chegar.

, , , , , ,

Powered by ScribeFire.

quarta-feira, dezembro 03, 2008

Herói do ano


Algemas nele, rápido!

Vladimir Ilyich Lenin certa vez declarou que a fundação de um banco era comparável a um assalto à banco, seria nada mais do que uma apropriação de ativos e empréstimo destes a terceiros. A coisa toda é uma vigarice. Aos poucos isto chega aos olhos de todos.
Ontem o Brasil fez história. O juiz federal Fausto Martin De Sanctis, anotem este nome, condenou o banqueiro Daniel Dantas a dez anos de prisão. É quase inacreditável que um banqueiro no Brasil possa ser condenado pela justiça e mais inacreditável ainda é saber que foi por crime de corrupção ativa. Nunca um banqueiro foi condenado antes e, ao que saiba, nunca um corruptor foi pego.
Como se trata de um feito histórico, com dois componentes bombástico: a fortuna do condenado e seu crime propriamente dito, é claro que a elite brasileira já começa a se manifestar de forma estranha e contra o processo. Afinal, onde já se viu condenar um homem de bem? Por exemlo, a Folha hoje ao invés de parabenizar a democracia brasileira que dá sinais de força e legitimidade do estado de direito, opta por citar "especialistas" que entendem ser "exacerbada" a sentença do juiz. Já começa a cicular que a decisão seria "política" e outras pérolas.
O fato é que Daniel Dantas tentou subornar um delegado da Polícia Federal utilizando-se de dois assessores muito próximos e alguns milhões. A operação foi monitorada pela PF que filmou todo e as fotos da dinheirama circularam em todos os noticiários. Ora, da onde viria aquela grana toda? Porque estava em poder de assessores de Dantas? Coincidentemente naquele momento pairava contra Dantas um mandato de prisão, precisa dizer mais?
Cadeia para ele é pouco, saúdo e me solidarizo com De Sanctis e com o delegado Protógenes. Todo o poder à Polícia Federal!!!

, , , ,

Powered by ScribeFire.

terça-feira, dezembro 02, 2008

A rifa do burro


O burro fez escola

Certa vez quatro meninos foram ao campo e, por 100 reais, compraram o burro de um velho camponês. O homem combinou entregar-lhes o animal no dia seguinte. Mas quando eles voltaram para levar o burro, o camponês lhes disse:

- Sinto muito, amigos, mas tenho uma má notícia. O burro morreu.
- Então devolva-nos o dinheiro!
- Não posso, já o gastei todo.
- Então, de qualquer forma, queremos o burro.
- E para que o querem?
- O que vão fazer com ele?
- Nós vamos rifá-lo.
- Estão loucos?
- Como vão rifar um burro morto?
- Obviamente, não vamos dizer a ninguém que ele está morto.

Um mês depois, o camponês se encontrou novamente com os quatro garotos e lhes perguntou:

- E então, o que aconteceu com o burro?
- Como lhe dissemos, o rifamos.
- Vendemos 500 números a 2 reais cada um e arrecadamos 1.000 reais.
- E ninguém se queixou?
- Só o ganhador. Porém lhe devolvemos os 2 reais e ficou tudo resolvido.

Os quatro meninos cresceram e fundaram um banco chamado Opportunity, um outro Banco chamado Marka, um a igreja chamada Universal e o último tornou-se Presidente do STF.

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, dezembro 01, 2008

Começou mal


O santo do pau oco

Obama durante sua campanha bateu forte na guerra do Iraque, apontou números e bradou contra a continuidade do confronto. Isto alegrou a todo o planeta e deu a Obama a simpatia dos seus eleitores.
Hoje os jornais anunciam a nomeação de Hillary Clinton como chefe do Departamento de Estado americano (uma espécie de casa civil) com grande estardalhaço, afinal se trata de concorrente na nomeação democrata para presidêcia. Mas de leve, anunciou também as nomeações de Robert Gates para Secretário de Defesa (não é parente de Bill Gates da Microsoft, até onde se sabe) e James L. Jones como Conselheiro de Segurança. Ambos republicanos da gema.
O sr. Gates é o secretário atual de Bush! Reponsável pela guerra! A mesma denunciada por Obama e Hillary!
Ou seja senhores, acabou a lua-de-mel. Obama vai mesmo ser tão conservador e imperialista quanto qualquer de seus antecessores, acabou a ilusão.

, , ,

Powered by ScribeFire.

Cara de pau

Zero Hora e Yeda se merecem. Ambos tem uma cara de pau do tamanho do nosso estado. Na semana passada tia Yeda foi ao Ministério dos Transportes conversar com o ministro Nascimento sobre os pedágios federais concedidos.
Nas últimas duas semanas a Assembléia tem batido no projeto que envolveria um total de R$ 5 bi chamado Duplica RS. Nele Yeda renova as concessões de Britto que venceriam apenas em 2013 por mais 15 anos incluindo as rodovias federais! Detalhe, ninguém avisou Yeda que tinha de pedir isto antes aos mandatários federais.
Yeda, com ar de deboche anunciou à ZH que estava em Brasília para informar o governo federal do seu brilhante projeto e em nenhum momento assume que atropelou o pacto federativo de forma desrespeitosa. ZH, na linha de só abordar o ponto de vista do Piratini está cada vez mais distante da verdade e do seu leitor, ao que parece ZH quer trocar leitor por eleitor e nem se ruboriza com isto.
A cara de pau cada dia aumenta mais, é muita canalhice.

, , , , ,

Powered by ScribeFire.

Ontem eu quase morri


Este poderia ter sido meu destino

Existem experiências que a gente vai guardar pro resto da vida. Eu tenho 43 anos e pela lógica não estaria postando hoje deste mundo, mas como a vida é ilógica... cá estou tergiversando sobre a vida numa a perspectiva de um sobrevivente.
Eram 18h de domingo e passei um dia fabuloso no sítio do meu sogro em Glorinha, eu só no refrigerante e peixinho para manter a dieta e continuar emagrecendo enquanto a galera se gelava grudada numa costela gorda. Viemos todos em dois carros e ninguém queria ir embora.
Na saída, o Mariano resolver vir conosco. Amigo solteiro da família e conhecido Don Juan. A estrada (RS-030) é bem conservada e apresentava movimento nos dois sentidos. De repente surgiu na contramão um Monza vinho de faróis acessos ultrapassando três carros simultaneamente e vindo na minha direção. Minha mulher grita e eu sem ação comecei a ver tudo em câmera lenta.
Vinha a 80 quilômetros por hora ou menos, mas o Monza estava à mil. Sair pro acostamento de areião era optar por perder completamente o controle do carro devido a velocidade que estava. De leve fui desviando pro acostamento sem muita convicção, neste exato momento o Monza quinou e ficou duas rodas no asfalto e duas no areião. Retornei para o meio da pista e fiquei sobre a linha divisória dando passagem para o Monza pegar o meu acostamento. Foi o que fez, com nova guinada o Monza saiu da minha frente e por não menos que uma polegada não bate de frente junto ao farol direito do meu Fox.
O Monza passou voando tão perto do meu carro que chegou a beliscar de leve o retrovisor! Pec! Passou voando pela janela do Mariano que por instinto se jogou para o lado apavorado. Passado o momento relâmpalgo, escostei o carro e fui em direção ao Monza que se estatelou numa vala. O motorista era um jovem e levava a mão às costas e mal coseguia caminhar de tão dolorido que estava. Ele se desculpou dizendo que não havia me visto. Neste momento desce um gaudério de um Pálio azul que era um dos três carros ultrapassados pelo Monza. "Eu te vi morrer batendo de frente" me dizia sem parar, nervoso.
O motorista do Monza com o telefone no ouvido vai saindo de mansinho, como se falasse ao telefone, quando gaudério gritou: "ele vai fugir, vamos pegá-lo!". Ameaçou ir ao encalça do garoto. Naquele instante me caiu a ficha, o carro era emplacado em Veranópolis, estava com o rádio arrancado e os falantes desconectados, um vidro traseiro quebrado.  O carro era roubado. Disse ao gaudério ara deixar o rapaz fugir, pois devia estar armado e o carro era roubado.
Neste momento começa a chover e forte. Chamar a polícia foi um sacrifício, não fazem a mínima questão de atender, fazer duzentas perguntas idiotas e não atendem. E eu ali tremendo de frio e de cagaço, putz eu quase morri. Lembrei da minha mulher que ainda estava no carro. Ela não conseguiu sair do carro, estava em choque e apatetada com o episódio, ao me ver implorou para ir para casa. Avisei o gaudério: "Estou no lucro, quase morri hoje, tu fica e atende a polícia. Eu vou pra casa acalmar a patroa".
Fui pra casa e fiquei o resto do domingo meditabundo. Ia ser um domingo de merda, carro batido e hospital, aquela confusão. O Mariano dizendo que se fosse ele dirigindo iríamos morrer, que eu tive muito sangue frio. Pode ser, mas se eu estivesse correndo mais, ou tivesse tomado umas cervejas, ou me assutado ou qualquer outra coisa... Se repetissem o episódio dez vezes, dez vezes daria merda. Foi sorte, pura sorte.
Tu andas na boa, não bebe, faz tudo direitinho. Aí aparece um imbecil que pode alterar a escrita da tua vida ou acabar com ela, de graça, sem motivo. Estar vivo é muito bom! Obrigado!

, , ,

Powered by ScribeFire.

sábado, novembro 22, 2008

TARDE VENIENTIBUS OSSA


TARDE VENIENTIBUS OSSA é um ditado latino que significa, aos que chegam tarde, os ossos. Aqui no RS temos uma versão gaudéria, boi lerdo toma água suja.

A pesquisa sobre a felicidade


Feliz?

Li no New York Times sobre uma pesquisa realizada pelo professor John Robinson da Universidade de Maryland que investigou as respostas de um estudo com 45.000 americanos com mais de 35 anos. Foram analisados de oito a dez atividades que pessoas felizes mais realizam.
Um dos resutados mais interessantes do cruzamento dos dados foi a constatação que a televisão demonstrou uma relação negativa, ou seja, que infelizes assistem mais TV do que os felizes. Acredito que isto seja ainda mais forte aqui no Brasil, pois a qualidade da TV aberta e o perfil dos seus programas é de chorar. A baixaria e o mundo cão são constantes na programação numa tentativa desesperada de consolar os depressivos espectadores. Porém o estudo não determina que a infelicidade das pessoas tenha origem no fato de assitirem televisão, mas simplesmete associar esta atividade a infelicidade.
Bem, mas quais são as atividades que as pessoas felizes mais realizam? Nos EUA, as pessoas felizes se relacinam com amigos, freqüentam a igreja e lêm jornal. A socialização é uma das necessidades mais primitivas do homem e me parece natural que apareça nesta pesquisa. A religião igualmente está presenta desde os primórdios do ser humano e é um consolo que explica aquilo que não consegue entender ou explicar. A leitura de jornal é uma prática que nos coloca no mundo e nos baliza em relação ao demais, aponta as similaridade e diferenças de forma íntima e pessoal.
A pesquisa é interesante e mostra que o comportamento humano é uma área que ainda tem muito para ser pesquisada e muito para ser entendida.

, ,

Powered by ScribeFire.

quarta-feira, novembro 19, 2008

A megera e as professoras


Yeda em seu novo carro oficial


O magistério estadual em geral é formado por milhares de professores concursados ou contratados emergencialmente com um perfil bastante diversificado e comportamento político muito volátil. As sua maioria apoiou Jair Soares, Collares, Olívio, Britto, Rigotto e até Yeda pelo simples fato de que ninguém chega a Piratini sem o beneplácido do professorado gaúcho.
A ingratidão de Yeda se manifesta como uma megera insensível. Na semana passada a governadora enviou proposta de piso da categoria baseado na legislação federal que a governadora questiona no supremo (ADIN - Ação Direta de Inconstitucionalidade). A proposta federal prevê a incorporação do piso como vencimento básico a partir de 2009, Yeda acha isto demais e não incluiu no seu projeto.
Mas a pérola está na justificativa da proposta, onde o governo inadvertidamente anuncia que prepara outra proposta que versa sobre o plano de carreira do magistério. Ora, o plano de carreira foi uma conquista da categoria alcançado com muita luta e mobilização, não será um projetinho com uma maioria comprada que irá derrubá-lo. E não há sofimas, está expresso no texto como segue:

"Assim, com o presente Projeto de Lei o Governo do Estado do Rio Grande do Sul cumprirá a determinação legal de pagamento de um piso salarial para o magistério estadual já no valor de R$ 950,00, comprometendo-se a encaminhar, no ano de 2009, proposta de um novo plano de carreira e remuneração que, dentro das condições financeiras do Estado e observadas ainda as disposições das Leis n° 10.395/95 e Lei n° 12.961/08, certamente representarão ganhos salariais para a categoria, como forma de valorização dos educadores, na perspectiva da construção de uma Boa Escola Para Todos."

Ou seja, Yeda no alto de sua soberba pretende colocar o magistério de joelhos. Começou com a Brigada do Coronel Mendes baixando o sarrafo na categoria em plena Praça da Matriz e agora ameaçando bulir no plano de carreira. Com a confiabilidade de Yeda e seu governo, não pairam dúvidas que qualquer mudança será no sentido de tirar do magistério ainda mais em nome do equilíbrio e do déficit zero.
Yeda aplica o equilíbrio orçamentário descumprindo com os mínimos estabelecidos na constituição tanto em saúde como educação, negando serviços ao contribuinte e arrochando o funcionalismo. Seu governo já declarou que acha muito 35% para a educação. O mesmo governo que força a barra colocando todo o orçamento da CORSAN como gastos em saúde para dar uma "encoxada" nos números. Enquanto o SUS sobrevive com verbas federais e tão somente.
Do jeio que a coisa vai os gaúchos, à exemplo dos portoalegrenses, terão mais quatro anos do mesmo. Yeda de tão ruim, sairá por boa. Eu hoje ouvi professoras felizes que receberão o décimo terceiro sem empréstimo! Uhu! O mundo não faz sentido.
 

, , , ,

Powered by ScribeFire.

terça-feira, novembro 18, 2008

O público, o comunitário e o privado - a confusão de Yeda

Melancolia é o que resta ao povo gaúcho


A governadora encaminhou para a Assembléia uma proposta de lei que representa sua indole e seu governo. Trata-se da prorrogação das concessões rodoviárias no estado. A tal lei é composta por tão somente cinco artigos, sendo que dois são filigramas de vigoração e de revogações em contrário. Ou seja, são três artigos e consiste basicamente numa autorização do legislativo para a prorrogação de contratos conforme se apresentam em anexo à lei.

Sendo autorizativa, não há como alterar o conteúdo dos anexos. Ou o legislativo autoriza ou não, é um cheque de muitos zeros em branco para que o DAER e as empreiteiras façam o que quiserem com as rodovias concedidas desde o governo Britto. É preciso dizer que os contratos ainda vigoram até 2013, mas instisfeitos com isto, o govenro e as empreiteiras querem ampliar a concessão para 2028! Têm medo que algum governo neste iterim fira os seus interesses comerciais, não confiam na reelição do seu próprio projeto.

Tudo isto é muito estranho por várias razões. Primeiro, a governadora propoõe a prorrogação das concessões federais, inclusive (BR-116 entre Pelotas e Porto Alegre e BR-386 entre Porto Alegre e Pantano Grande) sem qualquer consulta ao governo federal! Segundo, os novos contratos dão poder ao DAER e AGERGS para resolverem alterações de trechos, alteração de localização de praças de pedágio, tarifas, prazos e serviços sem qualquer notificação ou consulta da Assembléia ou outro constrangimento ao governo. Terceiro, cria um conselho de usuários para garantir uma certa transparência, porém o conselho tem caráter de "acompanhamento" e não deliberativo. Quarto, na justificativa o governo cita que a Fundação Getúlio Vargas realizou um estudo econômico-financeiro das rodovias concedidas que nunca apareceu e não acompanhou a propsta de lei, porque? Quinto, com a prorrogação generosa as cocessionárias ficam autorizadas a explorar "outras fontes de receitas complementares", como aluguel de faixas de domínios, shoppings de beira de estrada e etc, muito além do que previa anteriormente.

Notem que os cinco aspectos relacionados acima sequer entram no mérito tarifário, que se demonstra num escândalo à parte.

Uma das boas ações do governo Collares foram os pedágio comunitários, onde as rodovias eram concedidas para administração das comunidades pertinentes a praça em questão e garantiram até agora um bom serviço e preços bastante razoáveis quando comparados aos concessionários privados (empreiteiras). Pois a governadora não esqueceu dos pedágios comunitários. O pedágio comunitário de Portão será entregue a uma concessionária SEM o compromisso de continuar sua duplicação em andamento...

Imaginemos o DAER e AGERGS com tamanho poder em conluio total com as empreiteiras. Vai ser uma festa até 2028 com proporções muito superiores aos escândalos envolvendo o DETRAN descobertos este ano. A prorrogação dos contratos podem movimentar até 5 bilhões de reais e renderiam bem mais do que os míseros 43 milhões desviados do DETRAN, renderia uma reeleição.

Este novo escândalo pré-datado deve ser barrado de imediato! A Assembléia está dominada por deputados mais interessados nas migalhas distribuídas pelos trechinhos a serem pavimentados em seus redutos eleitorais do que no interesse público. O projeto passará se a comunidade gaúcha não se mobilizar.

Yeda mostra sua pior faceta, confundindo o público, o comunitário e o privado e só quem sai ganhando é a safadeza e a corrupção, como sempre.

quarta-feira, novembro 12, 2008

Cara de pau!

Às vezes fico em dúvida quem é mais cara de pau, se Yeda ou Rosane Oliveira. A coluna da "jornalista" hoje mostra a que ponto pode chegar seu capa-pretismo. Nada de novo ou surpreendende vindo deste governo e de sua porta-voz, mas por mais espiado que estejamos e conheçamos as figuras, tem dias que isto merece nota.
Em letras grandes, Rosane Oliveira informa hoje a quem interessar possa que o piso dos professores de R$ 950 terá mínima repercussão. Seriam apenas 0,7% dos professores beneficiados e que a governadora iria endossar esta iniciativa que teve origem numa articulação com apoio do presidente Lula. Ora, há poucos meses esta mesma medida foi duramente criticada pela governadora e sua capitã-do-mato secretária de educação. As declarações à época eram de repúdio à Lula e preocupação com o equilíbrio financeiro da proposta aqui no estado. Como se nada disto tivesse sido dito ou acontecido, agora o governo Yeda descobriu que não há impacto e que passa a ser à favor.
Yeda entrou na justiça para barrar esta proposta, juntamente com mais governadores de oposição à Lula. Ou seja, Yeda é incompetente pois leva meses para saber o impacto real de um piso salarial (incompetência) e Rosane Oliveira é conivente com o erro do governo pela forma como o aborda sem esclarecer o que houve antes.

domingo, novembro 09, 2008

18 Brumário é hoje


Golpe faz aniversário

O dia 09 de novembro equivale ao dia 18 Brumário do calendário revolucionário francês. No VIII ano da revolução, o general Napoleão Bonaparte derrubou o governo do Diretório Francês e instaurando o Consulado. Foi um golpe de estado clássico.
Você certamente ouviu falar em 18 Brumário devido ao livro de Marx "O 18 Brumário de Luís Bonaparte editado em 1852. Neste livro Marx se refere ao golpe de estado promovido por Luís Bonaparte, sobrinho de Napoleão, que tentou repetir o feito do tio. Marx escreveu que "Hegel comentou em algum lugar que todos os grandes fatos mundialmente históricos e de aparecimento de personagens, ocorrem duas vezes. Ele esqueceu de acrescentar, a primeira como tragédia e a segunda vez como farsa". Neste livro Marx também cunhou a famosa frase "Os homens fazem sua própria história, mas não a fazem como querem, não a fazem sob circunstâncias escolhidas, mas sob circunstâncias já existentes, dadas e transmitidas pelo passado."


Contemporânea: O 18 Brumário - HISTORIANET, a nossa história
Os movimentos populares representavam uma ameaça direta aos privilégios burgueses, enquanto que a Áustria pretendia promover a restauração da velha ordem monarquista. Foi nesse contexto que desenvolveu-se o golpe: através da ação do exército, a burguesia buscou estabelecer no país um governo estável, forte, que eliminasse a possibilidade de participação política da plebe de Paris e de seus líderes "radicais". Somente um governo militarizado poderia garantir as conquistas burguesas da revolução.
Napoleão Bonaparte, líder do golpe, governaria a França por cerca de 15 anos, com um poder cada vez mais centralizado.

Powered by ScribeFire.

sábado, novembro 08, 2008

Há 129 anos nascia um revolucionário!


Tio Leon de aniversário!


Ontem, dia 7 de novembro, foi o aniverário de Lev Davidovich Trotskii. Conhecido apenas como Trotsky, foi um dos mais influentes revolucionários russos que banido morreu no exílio. Teórico e crítico do regime estalinista, o comunista viveu intensamente o final do século XIX e início do século XX e até hoje sua teoria política influencia movimentos no mundo inteiro.
A maior contribuição de Trotsky, ao meu ver, foi a análise da burocratização soviética. Escreveu sob o ponto de vista do comandante do exército vermelho revolucionário que viu após a morte de Lênin em 1924 o empoderamento de Stálin e o desvio político do regime.
Uma leitura obrigatória para quem quer entender a revolução russa é a trilogia de Isaac Deutcher: O Profeta Armado, O Profeta Desarmado e O Profeta Banido. Trata-se da biografia de Trotsky à luz da revoluçõ russa, são livros fabulosos e de leitura fácil e direta.
Feliz aniversário, velho guerreiro!

, ,

Powered by ScribeFire.

Obama e a neurolingüística


Mais do mesmo?


BBCBrasil.com | Reporter BBC | Obama promete 'enfrentar crise financeira de frente'
O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta sexta-feira que vai "confrontar a crise financeira de frente..."

Bem, pelas palavras do presidente americano eleito, pode-se entender que o atual presidente poderia estar enfrentando a crise de costas.... Hahahaha. Parece piada, mas quem acompanha a política americana pela imprensa percebe que a cada entrevista e fala dos presidentes se sucedem uma seqüência de lugares comuns com frases de efeito.
É uma espécie de neurolingüística istitucionalizada. Por exemplo, se perguntarem para Obama o que ele fará objetivamente sobre a crise financeira ele poderia responder "não iremos medir esforços no sentido de resolver em definitivo este grave problema que afeta a américa e o mundo". Note-se que a frase é linda, reveladora e empolgante, mas nada diz.
A falta de substância é intencional, o conteúdo é irrelevante, contanto que acalme a "opinião pública". A coisa é feita com tanta pompa e de forma tão ritualizada que chega a ser cômico-bizonho. E como seria de se esperar da grande mídia brasileira, estas frases são reproduzidas aqui nas manchetes sem qualquer questionamento ou análise, ao contrário das falas improvisadas e eventualmente enviezadas de Lula, por exemplo. O conteúdo das falas de Lula em geral são omitidas ou pulverizadas nas análises de deslizes que não correspondem ao conjunto da fala.
É dose. Vou aqui reproduzir uma fala de uma colega de trabalho que me disse que tem momentos em que ela fica tão confusa que fica entre duas idéias: ou eu sou doida e todos estão certos, ou estão todos loucos e eu estou certa!"

, ,

Powered by ScribeFire.

domingo, novembro 02, 2008

2 anos!


Dois anos azucrinando os cretinos


Bem, é com profunda alegria que anuncio o segundo aniversário do Agente 65 na blogosfera. Foram dois anos de luta e opinião, luta contra os de sempre que insistem em nos usurpar o poder e opinião de esquerda e socialista.
Este blog morre de nojo dos gaúchos que votaram na Yeda, nos que votaram no Fumaça e ainda se dizem os mais politizados do país. Este blog é inconformado com a mídia idiotizante que temos aqui nos pampas que durante o período eleitoral omitiu o escândalo do DETRAN e outros que o seguiram, na maior cara de pau!
Enfim, sou um inconformado. Como diria o carada Leon Davidovich, se a conjuntura é desfavorável, vamos luar para mudá-la!

, ,

Powered by ScribeFire.

sexta-feira, outubro 31, 2008

Toma!

Voz Ativa - 2002
Lula respondeu, por cerca de duas horas, a perguntas de jornalistas e de leitores, que lotaram o auditório do jornal. Em tom de provocação, um repórter (imparcial..?) tentou dar uma "saia justa" em Lula pedindo-lhe para falar sobre o fato de não ter um diploma em curso superior nem experiência administrativa municipal ou estadual.

Lula foi muito autêntico e respondeu citando o ex-presidente da África do Sul, Nelson Mandela.

- "Sabe qual era a experiência do Mandela? - Perguntou Lula.

- 27 anos de cadeia. E quando ele saiu da prisão foi Eleito presidente e transformou-se no maior estadista da África do Sul. Sabe por quê? Porque o problema de governo não é meramente administrativo, para isso eu tenho comigo administradores da mais alta competência. O problema é eminentemente de caráter. "O Brasil precisa de um dirigente que tenha hombridade suficiente para priorizar as reais necessidades de seu país", disse Lula, sob aplausos da platéia.

, ,

Powered by ScribeFire.

terça-feira, outubro 28, 2008

Ressaca


O poeta sabe tudo de marketing

Hoje já é terça-feira e ainda nada postei sobre as eleições de segundo turno. Pura ressaca. Os resultados não foram ruins, deixaram de ser melhores. Analisando friamente, aqui no estado quem mais perdeu foi a desgovernada Yeda, seu partido encolheu a sua insignificância já tradicional por aqui e o PP e PMDB se esbaldaram por fazer parte da base de Lula, vencendo vários municípios, na maioria médios e pequenos.
O PT fez bonito no vale do Sinos, ganhou prefeituras grandes que têm orçamento e são viáveis. Ali, o partido poderá construir uma base política sólida e de fôlego para mais de uma década. Cidades tradicionalmente mal administradas optaram pelo PT que é calejado em arredondar a máquina pública e inverter prioridades na direção dos mais humildes, inclusão e participação social.
Canoas foi emblemático. Para se ter uma idéia, o candidato do outro lado fez panfletos dizendo que o atual prefeito do PSDB apoiava o candidato petista, com o intuito de desgastá-lo! Ridículo. O tucano amargou o dissabor de ter vários casos de corrupção identificados em sua gestão e o principal acusado permanece no secretariado até o momento! Ali em Canoas a eleição caiu no colo do PT.
Pelotas perdemos novamente. Estávamos com larga vantagem no primeiro semestre e algum gênio da lâmpada idealizou a estratégia eleitoral mais idiota do século: não fazer campanha até que o adversário se mobilizasse. Acharam que se nada fizessem, ganhariam a eleição! Que barbaridade! O PP, vencedor das eleições, vai fazer uma estátua em praça pública para o imbecil autor desta idéia pigméia. Ou seja, o PT perdeu por ser burro.
No computo geral houve forte tendência à reeleição. No meu entendimento isto se deve em grande parte a dois fatores: a forte fiscalização pelas estruturas de estado ns últimos tempos (Ministério Público, tribunais de contas, Polícia Federal, judiciário, etc) e os investimentos em melhorias sociais patrocinadas pelo governo federal.
As investigações e publicidade dos escândalos públicos tem forçado os administradores e seus partidos a escolher melhor seus representantes. Onde o PP e o PMDB ganharam, os candidatos são figuras públicas ilibadas, pessoas que não possuem máculas em seu passado, são razoáveis do ponto de vista ético. Isto é um profundo anvanço.
Quem viaja pelo interior do estado percebe claramente que em cada cidade, pequena ou grande, há investimentos com verbas federais. Ou PAC ou via Ministério das Cidades, ou FUNASA, ou seja lá o que for. Quem se mexeu, conquistou verbas para a sua cidade e fez algo mais do que administrar a folha. O governo do estado navegou forte nesta onda também, a CORSAN, o DAER e outras só fizeram obras quando havia verba federal. O governo federal garantiu os investimentos no estado, isto é fato.
Administrações mais transparentes e fiscalizadas com investimentos, só poderia ter como conseqüência a recondução administrativa, como regra geral. Mas isto não se lê na grande mídia. Estas duas diretivas, transparência e investimentos, tiveram de vir juntas para garantir as vitórias. Sapucaia e Canoas tiveram pesados investimentos e melhorias, mas a roubalheira traiu os espertos. Falo isto de modo geral, claro que existem exceções. Numa visão geral, pode-se analisar desta forma.
Em Porto Alegre a vitória de Fumaça pode ser atribuída a sua brihante estratégia de não-prefeito. No ano passado pesquisas revelavam que ninguém conhecia Fumaça, era uma administração sem cara, sem face, era uma geléia. No último ano aparece o bonito com uma fala mansa e fazendo uma campanha espetacular do ponto de vista de marketing, acertou em cheio as suas falas, se fez de vítima e coitadinho. O PT ajudou bastante. Nem Maria do Rosário, nem Manuela lembraram da administração de Fumaça que passou o primeiro turno praticamente de lombo liso. Nada se disse da nossa herança de obras e realizações e nem se usou na TV os nosso prefeitos vitoriosos. Enfim, se Fumaça acertou no marketing, nos erramos completamente.
Que coisa alucinante aquela história de Maria pra lá e Maria pra cá! Quem é Maria?!! O nome dela é Maria do Rosário! E o PT? E os nossos governos?
Um amigo recebeu um e-mail de uma vereadora do PT agradecendo o apoio e tal. Ele nem votou na vereadora, mas ficou indignado. Resolveu sentar e escrever uma resposta elencando tudo que foi feito em 12 anos de gestão petista em Porto Alegre e que era sonegado na propaganda. O alucinado listou 300 obras de fundamento! Dias depois ele viu um panfleto deixado no parabrisa do seu carro contendo exatamente a listagem que ele fez, na mesma ordem! Traduzindo, se não tivessem recebido o e-mail não saberiam! Isto é ridículo. O PT foi derrotado em Porto Alegre e o PT tem de aprender a lição. Olha, 2010 esta'aí!

, , , , , ,

Powered by ScribeFire.

sexta-feira, outubro 24, 2008

Desconfie, sempre


Abra os olhos, sempre existe uma explicação simples e errada pra tudo

Olhômetro - música, cinema, tecnologia, livros, cultura pop e cotidiano com bom humor.

Confira as regras de ouro da desconfiança para uma vida mais crítica e questionadora (e um pouco mais complicada, mas sem dúvida mais divertida):

* Regra de Ouro da Desconfiança #1: quanto mais presente um assunto estiver nas manchetes e na boca do povo, mais desconfiado dele você deve ficar.

* Regra de Ouro da Desconfiança #2: se você perceber que estão tentando te convencer de algo sem que isso lhe seja dito diretamente, você tem aí o principal motivo para não se convencer desse algo.
* Regra de Ouro da Desconfiança #3: vídeos e aspas não provam nada. Pessoas mentem, erram, são imprecisas e suas declarações podem ganhar teor diferente em diferentes contextos.
* Regra de Ouro da Desconfiança #4: o Google é seu melhor amigo.

* Regra de Ouro da Desconfiança #5: Fique longe da Veja.
* Regra de Ouro da Desconfiança #6: Sério. Fique longe da Veja. E nem é discursinho pronto de estudante, ok? Não vou dizer ‘a Carta Capital sim é boa’, aliás nem tenho saco para a Carta Capital. Apenas fique longe da Veja. A revista é nojenta.
* Regra de Ouro da Desconfiança #7: Espalhe a semente da desconfiança. Conteste as convicções das pessoas ao seu redor por esporte. Mas faça tudo parecer uma grande brincadeira em uma dicussão saudável. Não queremos que você afaste as pessoas, não é?

, ,

Powered by ScribeFire.

terça-feira, outubro 21, 2008

Falência política


Ela achou que era à sério!

A tia Mercedes Rodrigues saiu da secretaria da transparência (hahahahaha), a tucana alega que a demora para seus projetos andarem demonstrou que não existe vontade da governadora. Agora que ela viu isto?
A secretaria foi criada no auge da crise do Busato tentando corromper o Feijó, era apenas um factóide para parecer que a coisa era séria. Mercedes só viu isto agora. Foi usada para preservar a imagem da desgovernadora. O pior é que no seu lugar Yoda nomeou o secretário de Meio Ambiente, Carlos Brenner.
Brenner está com sua vida garantida após o licenciamento das papeleiras num processo estranho e vergonhoso para a tradição do estado. De saco cheio de só levar porrada e liminar por todos os lados, Brenner quer sombra e água fresca. Ele merece, fez por merecer.
No Meio Ambiente, Yoda mostra como previlegia a pasta, nomeará o terceiro secretário em dois anos! Um recorde! A coisa vai de mal a pior, mas Rosane Oliveira mostra todos os dias que ainda tem mais para piorar, afinal em sua coluna está tudo lindo.
Enquanto isto, Fumaça continua na frente de Rosário e de Maria.

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, outubro 20, 2008

Eles merecem?

Eleições aqui e eleições lá. Os americanos irão às urnas escolher o novo presidente por quatro anos e com os dois partidos de sempre rivalizando. Pelos Democratas concorre o negro Barak Obama e pelos republicanos o veterano John McCain. Acho que as eleições americanas não tem tido uma cobertura boa pela mídia nacional, o primeiro negro da história pode ser presidente! Isto não é pouco não, embora eu não acredite que os conservadores irão permitir que isto aconteça. Todos sabem que a reeleição de Nixon foi uma fraude, assim como a de Bush filho, esta máquina do mal pode ser acionada novamente. Obama está contrariando espectativas da indústria armamentista e os sionitas não confiam nele por sua origem meio árabe (por parte do pai). Bem, conservadores e sionistas juntos cheira a golpe na certa. Se não bastasse isto, a vice escolhida por McCain a tal Palin (governadora do Alaska) é defensora do criacionismo! Criacionistas são defensores do que dizem estar escrito na Bíblia, ou seja que Deus criou o homem e portanto não existe a tal Evolução das Espécies. Os malucos dizem que Deus criou todos as criatura que existem, tal como hoje. Palin quer inclusive que isto seja ensinado nas escolas públicas do Alaska. Imagina ela como vice do velho, o que esta freira fanática irá fazer. Os americanos são gente muito estranha, McCain diz que as propostas de Obama de aumento progressivo de impostos é um indício do perfil socialista dele! Atribui envolvimento de Obama com terroristas porque faz parte de uma ONG que participa um ex-condenado por ataques radicais na década de 60. Obama e o tal "terrorista" devem ter conversado uma ou duas vezes na vida! Obama ataca Bush e associa McCain com o republicano atual presidente, em resposta o bom velhinho responde que Bush não é candidato! Não é, mas tem candidato! o próprio McCain! Chega a ser patético assistir os debates na TV. Agora temos transmissão ao vivo dos debates com tradução simultânea, imagino que no passado as discussões do senado romano também seriam transmitidos. É o novo império que aceitamos. Pax romana ou pax americana.

, , , , , ,

Powered by ScribeFire.

Competência reconhecida!

Comunicação Social
Projeto do Loteamento Santa Teresinha ganha prêmio internacional A prefeitura receberá na sexta-feira, 24, em Sydney, na Austrália, a menção especial do Prêmio Metrópolis 2008 pelo Projeto Vila dos Papeleiros – Loteamento Santa Teresinha, onde foram entregues 277 novas casas para famílias carentes da região Humaitá/Navegantes, na entrada da cidade. O prêmio será entregue durante o 9º Congresso de Metrópolis, entre os dias 22 e 25. Nesta edição, os prêmios reconheceram projetos e experiência de impacto social, econômico, tecnológico e urbano, além de relações de parceria estabelecidas para sua implementação. “É um reconhecimento internacional a um projeto importante para a comunidade, pois a região abrangida é uma das mais carentes de Porto Alegre, e para toda a cidade, pois localiza-se na principal via de acesso à Capital”, considera o prefeito em exercício Eliseu Santos. Piec- Construídas pelo Departamento Municipal de Habitação (Demhab), as casas do Loteamento Santa Teresinha fazem parte do Programa Integrado Entrada da Cidade (Piec). Foram entregues 277 casas com sala, cozinha, banheiro e dois dormitórios a famílias cadastradas residentes na área. Orçado em R$ 8.476 milhões, entre recursos municipais, federais e internacionais, o loteamento conta com creche, praça e centro comunitário. Em julho, a prefeitura entregou ao loteamento a unidade de triagem da Associação Anjos da Ecologia, gerando 80 empregos diretos e renda mensal média de R$ 480 para moradores do Loteamento. Até 2010, o Piec irá entregar 3.061 novas moradias para famílias em situação de risco da região Humaitá/Navegantes, além da reurbanização de 714 lotes, beneficiando diretamente 30 mil pessoas.
Esta obra, bem como as demais previstas no PIEC, foram realizadas na gestão do PT na prefeitura, competência reconhecida na Austrália e que falta aqui em Porto Alegre por parte dos eleitores.

, , ,

Powered by ScribeFire.

sábado, outubro 18, 2008

Esquerda volver!

Os tempos não são dos melhores, definitivamente. A crise nas bolsas do mundo inteiro começa a afetar a nossa vida cotidiana, amigos perdem o emprego e investimentos são reavaliados. Não só na economia, mas na política também.
A (des)governadora Yoda entre a exoneração de um secretário corrupto e outro se delicia em ver a Brigada afofando seus compatriotas de forma selvagem. O prefeito que ninguém viu, afasta seu coordenador de campanha por envolvimento em enriquecimento incompatível com seus bens declarados, e está à frente nas pesquisas.
Um amigo petista de Porto Alegre diz que está sentindo uma virada e que a campanha está boa na Zona Norte. Não acredito. A mediocridade venceu. Ter Yoda (des)governando o Rio Grande e Fumaça como prefeito da capital é muita cachaça pra minha cumbuca.
A mídia venceu, o pensamento único. É uma vergonha termos apenas três jornais de grande circulação na capital em um verdadeiro cartel da informação, que se por si não bastasse ainda é mais reacionária do que se imagina possível. Eu já viajei muito por aí, pelo dito primeiro e terceiro mundo, e testemunho que o que ocorre aqui não há precedente.
No Egito, na cidade do Cairo, a venda de jornais é na calçada sobre uma lona de plástico. Ali se escolhe entre mais de 20 jornais diários, além de outros três em inglês. Na Bolívia, existem uma dezena de jornais só em Santa Cruz de la Sierra. Na França, em NY não é diferente.
Como permitimos que isto ocorra? O monopólio da mídia acabou com o debate e diversidade salutar de nossa sociedade, sem debate, sem contestação resta apenas a resignação e alienação completa.
Corruptos protegidos da mídia estão no segundo turno de Canoas! Promovem aliança de qualquer um contra os partidos de esquerda! E nós assitimos a isto com uma dor profunda nos corações, dias melhores virão.
Lembro de uma frase de Trotsky que dizia aos revolucionários russos que se a conjuntura não era favorável, que se lutasse para mudar a conjuntura! E é isto que acredito ser o que temos de fazer, lutar contra esta maré conservadora e reverter, enquanto é tempo, cada voto de familiar e amigo. Nesta eleição está em jogo e sucessão no estado, saiam das trincheiras e vamos ao campo aberto disputar a nossa maioria e mostrar de onde vem a força da verdadeira demcracia.

, , ,

Powered by ScribeFire.

quinta-feira, outubro 16, 2008

Mundo cão



O mundo caindo lá fora e a gostosona se "esbardando"! Que loucura!

G1 > Edição Rio de Janeiro - NOTÍCIAS - Preso amante que matou outro amante por ciúmes de mulher
Policiais da 64ª DP (Vilar dos Teles) prenderam, na manhã desta quinta-feira (16), em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, um homem suspeito de matar o amante da sua própria amante. A informação é da delegacia de Vilar dos Teles.
Segundo a polícia, Ivo Heleno de Maria, de 45 anos, é casado, mas mantinha relação extraconjugal com Marlene Pereira da Silva, que também é casada. Os problemas começaram quando Ivo descobriu que Marlene tinha, além dele, um segundo amante, identificado como Anselmo Pereira da Silva.
Inconformado e com ciúmes do segundo amante, Ivo pegou um revólver 38, atirou em Anselmo ao flagrá-lo com Marlene e depois fugiu. A morte aconteceu no dia 6 de outubro.
Desconfiados do que poderia ter motivado o crime, policiais começaram a investigar o caso e descobriram que Anselmo era o segundo amante de Marlene. Testemunhas e laudos e provas periciais ajudaram nas investigações.
A polícia informa que a arma usada no crime pertence a um policial militar, que conhece o suspeito do crime.O revólver foi encontrado na casa do suspeito.
Ivo foi preso em casa. Ele responde por homicídio qualificado e posse de arma de fogo com numeração raspada.

Powered by ScribeFire.

A crise, nós e o mundo


Bush ou Obama, guerra na certa


Ao nos depararmos com mais uma crise mundial, buscamos explicações para o que está acontecendo e as suas razões.
Nos últimos 20 anos vimos o mundo mudar vertiginosamente ante nossos olhos, o mapa geopolítico foi alterado consideravelmente e o equilíbrio instável vividos no pós-guerra deram lugar ao retorno do imperialismo dos séculos XV a XIX. A queda da União Soviética e do regime comunista russo pôs fim a Guerra Fria, mas nem por isto o planeta se viu livre de mais guerras.
Nestas duas décadas o discurso ideológico que justificou até então muita carnificina já não tinha mais razão de ser entoado. O fracionamento do estado soviético abriu possibilidades para os americanos aumentarem sua influência no planeta. Afeganistão, Paquistão, Iraque, Arábia Saudita são hoje satélites e guardiões dos interesses americanos, assim como a Polônia e Tchecoslováquia (recebendo mísseis intercontinentais), Kosovo tornado independente a mando ianque e por último o Paraguai (base militar dos EUA na America Latina) e a Geórgia.
Com a substituição da ideologia pela força, fica mais claro e justificado que guerras são meramente disputas de mercados e em nada influenciam outros fatores. Marx dizia que o capitalismo usa sistematicamente a máquina de guerra e da morte como forma de superar suas recorrentes crises cíclicas, manter mercados cativos e se impor como império. As guerras são apenas extensões lógicas da disputa de mercado e territórios econômicos. Nunca se gastou tanto em armas como hoje, existem uma centena de guerras pelo mundo e grande parte delas patrocinadas pelos EUA.
Este novo crash das bolsas pelo mundo inteiro causado pelo desequilíbrio da economia americana trará três conseqüências diretas: inflação mundial, desaquecimento da economia e mais guerras. Os países do terceiro mundo, liderados pelo Brasil, estavam vindo até agora num ciclo virtuoso de crescimento e inclusão. Esta realidade pode estar em transformação neste instante.
A crise de crédito imobiliário americana mostrou a fragilidade da economia mundial e do seu sistema financeiro. Não há muito a nosso alcance para resolver esta contenda, caberá aos americanos fazer o dever de casa e não internacionalizar os prejuízos. As eleições americanas que ocorrerão nas próximas semanas não mudarão muito o panorama, trata-se apenas da escolha do chofer de uma limosine que perdeu o controle e segue ladeira abaixo.

Powered by ScribeFire.

terça-feira, outubro 14, 2008

Quem acreditaria


Que vergonha!

Vendo a situação eleitoral de Porto Alegre, me pergunto: quem acreditaria que isto estivesse acontecendo?
A RBS, a grande burguesia, a FIERGS e FARSUL estão o segundo turno da eleição e com grande chance de reeleição. Isto é incrível! E como isto ocorreu?
Bem, estou convencido que é grande a responsabilidade da própria "esquerda" que além de ter três candidaturas (Rosário, Manu e Luciana), para variar esqueceram do verdadeiro inimigo que saiu de lombo liso. No primeiro turno a batalha pelo segundo turno deixou Fumaça bancar o gostoso, o bonito e o viável.
Rosário, disposta a ganhar a capital como se fosse da primeira vez e rompendo com as administrações anteriores, Luciana insistindo que está tudo errado e que ela pode mostrar o camino, e Manu estasiada com sua beleza e popularidade: nenhuma delas eternas.
Sei lá, acabo de fazer 43 e me vejo cada dia mais ranzinza e incrédulo nas pessoas. Como pode a população esquecer tão rapidamente? Como pode migrar para o nada?
Bem, cabe lamentar. Lamentar que a cidade mereça um inépto como Fumaça por duas vezes prefeito.

, , , ,

Powered by ScribeFire.

quarta-feira, outubro 08, 2008

Listão dos reprovados


Segue abaixo o listão dos reprovados no quesito ética e competência. Governo Yeda, até quando?

RS URGENTE
Ênio Bacci – Segurança Pública
José Francisco Mallmann – Segurança Pública
Vera Callegaro – Meio Ambiente
Luiz Fernando Zacchia – Casa Civil e Sedai
Cezar Busatto – Casa Civil
Delson Martini – Secretário Geral de Governo
Ariosto Culau – Planejamento
Flávio Vaz Netto – Detran
Nelson Proença – Desenvolvimento e Assuntos Internacionais
Paulo Azeredo – Obras
Paulo Fona – Porta-voz e Comunicação
Cel. Edson Ferreira Alves – Brigada Militar
Renato Breunig – Fepam
Marcelo Cavalcanti – “Embaixador” do RS em Brasília

segunda-feira, outubro 06, 2008

O urro das urnas

Os Amigos do Presidente Lula
PP assumiu o lugar do DEMo. PSDB diminuiu de tamanho e PT cresceu, além de outros partidos menores que também cresceram como PCdoB, PSB e PDT.

Diante disso é simplismo dizer que a boa avaliação do governo federal não transferiu votos. Não tranferiu 100% dos votos, mas um pouco influiu. Senão como explicar a subida dos partidos da base governista e decadência do DEMos e dos Tucanos?

Além disso, muitos candidatos não venceram, mas subiram bem no final da campanha e tiveram votação expressiva, como a Fátima Bezerra, em Natal.

Vitórias no 1o. Turno:

PMDB 1180
PSDB 772
PP 544
PT 537
DEM 491
PTB 408
PR 378
PDT 339
PSB 306
PPS 129
PV 72
PSC 60
PRB 52
PMN 43
PC do B 40
PRP 16
PSL 15
PTN 15
PHS 13
PTC 13
PRTB 11
PSDC 8
PT do B 8
PCB 0
PCO 0
PSOL 0
PSTU 0

Vitórias em Capitais no 1o. turno:

PT 6
PMDB 2
PSB 2
PSDB 2
PC do B 1
PP 1
PV 1
O DEMos não conquistou nenhuma capital no primeiro turno.


Vitórias em cidades com mais de 200 mil eleitores no 1o.turno:

PT 12
PMDB 8
PSDB 8
DEM 4
PDT 4
PP 3
PC do B 2
PSB 2
PR 1
PV 1


Número de cidades em disputa no 2o. turno:

PT 15
PMDB 10
PSDB 10
PSB 6
PP 3
PTB 3
DEM 2
PPS 2
PR 2
PC do B 1
PDT 1
PV 1

O número de votos nacionais por partido não está disponível ainda, mas PT e PMDB foram os grandes vitoriosos. O PMDB com uma votação mais dispersa em muitos municípios. O PT com votação mais concentrada nos grandes centros: capitais e cidades com mais de 200 mil eleitores.
Os tucanos ainda conseguiram mostrar fôlego, mas perderam espaço para o PMDB.
O DEMo confirmou a decadência, sendo rebaixado do G4 (quatro maiores partidos).

, , ,

Powered by ScribeFire.

sábado, setembro 27, 2008

OS X com Windows XP


Funcional e eficiente


Há dois meses adquiri um Macbook e fiz a tão temida transição de sistema operacional. Passei antes por uma desastrosa tentativa de utilizar no meu desktop um Linux, o Mandriva. Confesso que embarquei nesta sem saber onde estava pisando e confiando na boa experiência de outras pessoas.
Estou plenamente adaptado ao OS X Leopard, sistema operacional da Apple que vem nos computadores atualmente. Os atalhos de teclado ainda não são inatos, mas a funcionalidade é total. A primeira coisa com a qual nos acostumamos rapidamente é a velocidade de start up e de desligamento, impressiona mesmo. Os software são estáveis e o pacote do MS Office roda melhor que no windows, certamente.
Um dos revezes é que alguns softwares essenciais não possuem versão Mac. Quebrei a cabeça algum tempo e achei um software que emula qualquer Sistema Operacional no Mac, é o Virtualbox. É chamado VM-Virtual Machine e é em código aberto, portanto gratuíto. Com ele instalei o Windows XP SP3 BR e funciou maravilhosamente.
A razão de usar o Virtualbox com o XP é a minha necessidade de usar o Corel Draw, pois Corel descontinuou o seu programa gráfico para o Mac. Intalei o XP e o Corel normalmente sem qualquer dor de cabeça e está tudo funcionando junto com o Leopard!
Problema resolvido.

, , , , , , , , , ,

Powered by ScribeFire.

sexta-feira, setembro 26, 2008

Perseguição eterna

Brigar com cachorro grande no Brasil pode ser uma dor de cabeça eterna. Fazer justiça não pode combinar com judiciário, são coisas de natureza distintas e contraditórias.
O Brasil só não avança ainda mais na direção de uma grande nação democratica devido ao judiciário corporativo, reacionário, elitista e não funcional. O cipoal dos sistema judiciário e policial é feito para punir o negro e pobre, o rico é beneficiado por agravos, habeas, recursos, e outros instrumentos legais largamente utilizados para fugir da justiça. Os processo duram para sempre, o pobre não tem vez, nem voz. O judiciário é o caos.
Abaixo um exemplo disto. Mostra a serviço de quem está o judiciário e como funciona nossa corte suprema. Quanto tempo mais para que se reforme o judiciário!?

Os Amigos do Presidente Lula
A pedido de Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal, o juiz Fausto De Sanctis foi intimado anteontem pela Corregedoria, que apura erros e abusos de magistrados, a se explicar sobre o motivo que o levou a decretar a prisão do banqueiro Daniel Dantas, que é investigado por supostos crimes financeiros.

A intimação abre um novo capítulo da situação de mal-estar entre De Sanctis, que atua na primeira instância, e Mendes, que representa o grau máximo do Judiciário. Foi o juiz federal que decretou a primeira prisão do banqueiro, em 8 de julho. No dia seguinte, Mendes mandou soltar Dantas. Em menos de 24 horas, De Sanctis ordenou uma segunda prisão, desta vez por suposta tentativa de suborno de um policial com US$ 1 milhão.

Gilmar Mendes, que viu a medida como uma afronta, pediu ao Conselho Nacional de Justiça, presidido por ele, e à Corregedoria que inquirissem o juiz. Após reação indignada da classe, Mendes disse que o envio era só para estatística.

De Sanctis terá cinco dias para responder. Ontem, ele foi ouvido pela PF, que apura "grampo" contra Gilmar Mendes. O juiz rebateu a afirmação da desembargadora Suzana Camargo, que o acusou de ter mandado grampear o presidente do STF. À polícia, ele negou e disse que foi a juíza que o procurou, em nome de Gilmar Mendes, pedindo informações sobre um caso sigiloso

, , , , ,

Powered by ScribeFire.

quinta-feira, setembro 25, 2008

60 anos depois, a verdade

JB Online :: TR- Astros da Era de Ouro do cinema recebiam fortunas para fumar - 25/09/2008
LOS ANGELES - As grandes empresas de cigarro pagavam quantias milionárias às estrelas de Hollywood da primeira metade do século passado para que aparecessem fumando nos filmes, de acordo com pesquisadores que tiveram acesso a alguns desses contratos.

Clark Gable, Spencer Tracey, Joan Crawford, John Wayne e Bette Davis foram algumas das míticas estrelas cinematográficas usadas pela indústria do tabaco, mediante o pagamento de milhões de dólares, para dar uma imagem de "glamour" ao cigarro, denunciaram os pesquisadores.

Um equipe dirigida pelo professor Stanton Glanzt, do Centro de Pesquisa e de Educação sobre o Controle do Tabagismo da Universidade da Califórnia (EUA), teve acesso aos contratos assinados entre os produtores de cigarro e as grandes estrelas de Hollywood desde o início do cinema falado, no final da década de 1920, até a chegada da TV, nos anos 1950.

O grupo comprovou que Paramount e Warner Bros eram os estúdios com mais acordos promocionais com essas empresas, especialmente Lucky Strike (American Tobacco) e Chesterfield (Ligget & Myers).

Somente a American Tobacco pagou, no final de 1930, o equivalente hoje a US$ 3,2 milhões aos astros do cinema para relacioná-los aos cigarros Lucky Strike. Foi assim que as grandes estrelas da época ajudaram a promover a imagem da marca Lucky Strike, Old Gold, Chesterfield, ou Camel, entre outras.

Os pesquisadores destacam a sinergia entre ambas as indústrias, já que os produtores de tabaco ganham uma melhor "aceitação social" do cigarro, e os estúdios de cinema se aproveitam das estratégias comerciais desse setor.

A presença de fumantes na telona é denunciada, com freqüência, como incentivo ao tabagismo de jovens e adolescentes. Já os que se opõem a uma regulamentação sobre artistas que fumam nos filmes defendem que a representação do cigarro faz parte do patrimônio artístico do cinema americano e citam clássicos como Casablanca(1942).

O estudo, financiado pelo Instituto Nacional do Câncer Grant, aparece nesta quinta-feira na revista especializada britânica Tobacco Control.

, , ,

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, setembro 22, 2008

Tucanos enrolados

Técnicos do TSE sugerem desaprovação das contas do PSDB em 2000
Um parecer da Coordenadoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias (Coepa), órgão técnico do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), propõe a desaprovação das contas do PSDB referentes ao ano 2000. De acordo com o documento, o partido apresentou irregularidades na utilização de recursos do fundo partidário.

Os técnicos consideraram graves as irregularidades identificadas nas contas do partido naquele ano, como documentos inidôneos, falta de documentos fiscais para comprovar despesas, documentos em desacordo com as legislações eleitoral, partidária e tributária, gastos com terceiros, falta de documentos de ingresso de receita na conta do fundo partidário e utilização de recursos públicos para gastos não permitidos na Lei Partidária.

O parecer ressalta que o PSDB gastou R$ 389.703,14 em recursos do fundo partidário com notas fiscais inidôneas emitidas por empresas fechadas. Diz ainda que o partido não apresentou nenhum documento de comprovação de despesas, com recursos do fundo partidário, no total de R$ 27.432,49. De acordo com o documento, os gastos do PSDB com serviços prestados a terceiros e não ao próprio partido, com recursos do fundo partidário, chegam a R$ 67.415,21.

, ,

Powered by ScribeFire.

segunda-feira, setembro 15, 2008

Pegaram o Raul?


Esta semana termina com a denúncia de ex-assessor contra o líder da bancada na assembléia do PT, Raul Pont. A revista Veja especulou que o ex-servidor era fantasma e seus proventos eram utilizados para o sustento do grupo político de Raul e para caixa de campanha.
A oposição já busca uma CPI para apurar as denúncias.
Raul tem pautado seu mandato pela opsição à tia Yeda. Foi o responsável pela queda de alguns dos secretários corruptos desembarcados do governicho e batido forte nos problemas de Canoas. Esta denúncia contra Raul tem cheiro de chantagem para silenciá-lo e moderar seu inoportunismo, na opinião dos governistas.
Aguardemos os próximos capítulos.

, , ,

Powered by ScribeFire.

quinta-feira, setembro 11, 2008

Pega ladrão!


Este é Francisco Fraga, o "picareta"


Rosane de Oliveira - Fraga só sai depois de condenado, diz prefeito (Michele Iracet)
Ronchetti defende com unhas e dentes o secretário de Governo, Francisco Fraga, um dos 40 réus na Operação Rodin, investigado também na Operação Solidária e com fartos indícios de irregularidades apontados pelo MP. Diz que não vai “queimar” um amigo, “um dos poucos secretários competentes” sem ter o veredicto da Justiça.
Imaginem vocês um governo onde Francisco Fraga (PTB) é o secretário mais competente, ou melhor, um dos poucos competentes. Nossa! A situação de Canoas é muito pior que se imagina, é tão complicada que o prefeito sequer consegue afastar secretário corrupto. Fraga deve saber de tudo, tudo mesmo.
Mais adiante, vem a explicação da abelha rainha:

Rosane de Oliveira - Fraga só sai depois de condenado, diz prefeito (Michele Iracet)
Até para o fato de Chico Fraga ter vários automóveis, mencionado na investigação do Ministério Público, Portella tem uma explicação:

– É que ele negocia com carros. No popular, ele é “picareta”. Eu mesmo já comprei carro dele. O secretário Chedid (Marcos Aurélio Chedid) também. E o prefeito vendeu carro pra ele. Ele também compra e vende imóveis. Não é nada do que o MP está dizendo."
João Portella deve conhecer mesmo o secretário Fraga. Antes de trabalhar em Canoas era filiado ao PTB e foi secretário de Fumaça. Foi para o ninho tucano e é eminência parda de Ronchetti. A pergunta é, você compreria um carro de Fraga?!
É um castelo de cartas que irá cair no primeiro sopro, aguardem os próximos capítulos e o desembarque do grupo RBS. Não demorará muito. Leia mais aqui.

quarta-feira, setembro 10, 2008

Apareceu a margarida...


Com o rabo preso, o galo silencia e finge botar ovo.

Rosane de Oliveira - Que recado você mandaria para o próximo prefeito? (Maria Mendes)
O senador Pedro Simon lamentou que a investigação da Operação Solidária, iniciada pelo Ministério Público Federal em Canoas e que tramita no Supremo Tribunal Federal, ocorra em pleno período eleitoral. Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, Simon afirmou que o ideal seria que esse assunto viesse a público fora do processo de eleições, já que há dois anos, segundo ele, esse problema é investigado.

Conhecido no Congresso Nacional por derrubar ministros por sugerir o afastamento em casos de crise e investigação, o senador disse que não há motivos para sugerir o mesmo aos envolvidos na Operação Solidária, como o presidente da Assembléia Alceu Moreira, o secretário Marco Alba e o deputado Eliseu Padilha, pois, por enquanto, o momento é de expectativa.

Pedro Simon, senador e canalha, finalmente faz uma declaração sobre os escândalos que envolvem seus asseclas. E contrariamente ao tratamento dispensado por ele a seus advesários, não fez nenhum discurso inflamado. Agora que seu galinheiro pega fogo, Simon aparece para pôr panos quentes sobre o tema. O que até ontem era um mistério, agora se revela um escândalo de corrupção cujo centro é novamente Canoas.
Canoas funcionava, e aparentemente continua funcionando, como uma central de trampas. Digo funciona, pois o principal agente investigado é o ainda secretário de governo Francisco Fraga (PP). De mexe-mexe com a merenda à desvios em obras de saneamento, Canoas tem de tudo.
O mais incrível é que do lado da imprensa apenas a notícia fria e burocrática. Nada de grandes manchetes ou comentários de analistas, e por parte de Simon, a penas a lamentação por conta do período eleitoral. Ora senador, quem sabe neste período não se investigue ninguém?! É isto que o senhor almeja? Mais impunidade?

terça-feira, setembro 09, 2008

Um comunista maravilhoso


Fauno e polemista, um mártir!

O Incrível Exército Blogoleone
Faustin von Wolffenbüttel, conhecido como Fausto Wolff, dedicou 54 dos seus 68 anos ao jornalismo. Nascido em Santo Ângelo, no Rio Grande do Sul, teve seu primeiro emprego aos 14 anos como repórter policial e contínuo no Diário de Porto Alegre. Aos 18, migrou para o Rio de Janeiro, onde construiu sua carreira.

Wolff estava internado no Hospital São Lucas, no Rio de Janeiro, desde o dia 01/09 devido a uma hemorragia digestiva. Na última sexta-feira (05/09), morreu de falência múltipla dos órgãos. O jornalista era casado com a psicanalista Mônica Tolipan e teve duas filhas.

A leitura de Fausto Wolff era um alento na mediocridade que se transformou o jornalismo brasileiro, seus contos e romances são obras primas da minha biblioteca e saber de sua morte me entristece muito. Seu livro "à mão esquerda" não tive coragem de terminá-lo, mesmo faltando poucas páginas, de tão gostoso o imaginava sem fim.
Fausto contribuiu na minha formação ainda jovem nas páginas do Pasquim e agora bem mais tarde nos artigos publicados eventualmente nos jornalões. Mesmo discordando de seu brizolismo, via em Fausto um mártir da resistência ao sistema e à mediocridade.
Com sua morte ficamos todos um pouco mais pobres de espírito. Hoje vou tomar um uísque em homenagem! Adeus Fausto.

sábado, agosto 30, 2008

Vira-casaca


Acreditem, a máscara deixou-o mais bonito!

Engraçado que nesta eleição não ouvi nada na PIG sobre o argumento que gaúcho não gosta de político que troca de partido. Lembram? Isto era martelado sistemáticamente de peito estufado. Mas isto era antes de descobrirem a corrupção no estado.
Me dei conta que a chapa de situação, Fumaça e Fofunatti, é composta na integridade por vira-casacas. Fumaça abandonou seu nanico PPS, deixando alguns furiosos com o prefeito-poeta, mas enchendo de orgulho Antônio Britto e juntos filiaram-se novamente ao velho e mofado PMDB.
Fofunatti é oriundo do PT. Não suportou a democracia interna do partido que, no voto, escolheu outro. Fofunatti é tão egocêntrico e narcisista que atribuiu sua derrota a uma grande conspiração. Não era conspiração nenhuma, ninguém gostava dele no PT. Foi praticamente sozinho pro PDT e hoje está à direita do Vieira da Cunha.
A dupla é de chorar. Chora Porto Alegre.