quinta-feira, maio 17, 2007

A incoerência de Yeda



Governo suga sem perdão!



Desde que assumiu como governadora dos gaúchos, tia Yeda vem repetindo sua diretiva de combater a crise financeira do estado. Cortes de gastos horizontais em todos os setores, atingindo diretamente os serviços prestados aos mais necessitados. Pagam o preço da crise a saúde, a educação, segurança e assistência social.

O estranho nisto tudo é que todos os esforços da governadora são no sentido da despesa e NADA na receita! Nenhuma medida foi adotada no sentido de buscar os recursos de impostos não pagos e pior, implementa uma política de isenções e anistias para os devedores do erário.

Os benefícios do FUNDOPEN continuam a ser concedidos a rodo para grandes empresas e já totalizando R$ 66 milhões no atual governo e anistiou de multas e juros a Alpargatas e CBC que não pagaram o FUNDOPEN concedido pelo governo Britto.

Os prejudicados pelas políticas equivocadas na área econômica de Yeda são os de sempre, os mais pobres, e os beneficiados são os mesmos  que adoravam Britto, os grandes. De tanto chupar, o cadáver já está seco!

Seu temperamento e suas políticas equivocadas irão muito rapidamente corroer ainda mais a base de sustentação de seu governo tanto na sociedade como no governo e caminha a passos largos para um brete de estagnação. O choro por verbas federais já não tem tido a mesma aceitação na opinião pública e este governo periga não terminar.





Powered by ScribeFire.

3 comentários:

Claudia Cardoso disse...

Também acho que o bicho vai pegar... A coisa está ficando insustentável! Abraço!

Stanis Fialho disse...

Isso seria de estranhar não fosse um governo do PSDB pois, sabemos que este partido é nada mais que um braço empresarial para a privatização do estado

fernanda barth disse...

é muito bom saber que fora da imprensa paga existe vida inteligente.