quarta-feira, março 21, 2007

ZH adimite: o Iraque está mal





Hoje saiu uma matéria em ZH que me surpreendeu, saiu da linha press release da Casa Branca que tem marcado a cobertura da invasão há longo dos últimos quatro anos.

A matéria apresenta um mecânico que sofreu horrores durante a ditadura de Saddam Hussein, tanto como sua família e amigos.Ele viu na invasão americana como uma libertação e de possibilidade de uma vida melhor, mas a vida tinha surpresas para ele.

Os americanos só são amigos deles mesmos e de seus interesses corporativos e do governo judeu, o resto é mal necessário. O mecânico aprendeu isto na pele e chega a declarar que tem saudades do ditador.

Este é o sentimento nas ruas do Iraque, o país está destruído e dentro de uma guerra civil fraticida. Está miserável e com sua infraestrutura irreparavelmente abalada. O resultado da invasão só significou até aqui volumosos lucros para as empresas americanas e para a máquina de guerra, todos os demais perderam.





powered by performancing firefox

Um comentário:

Joan disse...

Tranquilo, que José Maria Aznar, o mas inteligente do trio das Açores acha que a guerra era necessária!